“A criatividade vem como um dom”


“A criatividade vem como um dom”

Cláudia Perdigão é designer, empresária, cenógrafa, decoradora e event design. Quando se fala em criar e executar arregaça as mangas e põe as “mãos a obra”. Além de ter estudado comunicação visual, Cláudia Perdigão gere a empresa “Agência da Casa”, especializada em cenografias com temáticas natalinas nomercado de shoppings centers. A Revistado Florista foi ao encontro da artista para saber mais sobre este projeto que é “pioneiro no mercado português”.

Conte-nos a sua história. Como foi o seu percurso até perceber que queria dedicar-se à área da decoração?

Desde sempre tive alma de artista! Já muito pequena pegava nas pedrinhas da calçada, pintava-as e vendia-as à família e amigos. Todos achavam graça, não só pela criatividade, como pelo meu espírito empreendedor. Mais tarde, mas apenas com 17 anos, comecei a fazer decorações de interiores e montras, fiz também as minhas duas primeiras festas temáticas para um grande Clube no Rio de Janeiro, o “Costa Brava Clube”, uma de Halloween e outra de Réveillon para 3500 pessoas. A partir daí foram mais quatro anos seguidos com este cliente, depois vieram várias outras festas temáticas, para o “Clube dos Marimbás”, na praia de Copacabana, como a festa dos anos Dourados, Réveillons entre outros.

Leia a entrevista completa subscrevendo a Revista do Florista.

 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

19 − quatro =

×